Dados pessoais do presidente do Senado Renan Calheiros

ThePirateBay
Filme sobre The Pirate Bay é lançado nesta sexta-feira
8 de fevereiro de 2013
Mutirão de distribuição de alimentos é promovido por Anonymous da Cidade de São Paulo
9 de fevereiro de 2013

Dados pessoais do presidente do Senado Renan Calheiros

Renan Calheiros

Assim como o ex-presidente Lula, o deputado Paulo Maluf, o ex-ministro José Dirceu e Marcos Valério, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), também teve seus dados pessoais divulgados na web nesta sexta-feira (8). O perfil @AnonymousBr4sil, divulgou dados pessoais de Renan no Twitter.

 Renan Calheiros

Renan Calheiros

Entre os dados informados no microblog, estão o nome completo do senador, CPF, data de nascimento, telefones fixos de Brasília (DF) e Maceió (AL), um endereço em Barra de São Miguel (AL) e outro de Brasília (DF), nome do pai e da mãe, dois e-mails (sendo um do Senado) e o nome de uma empresa de Calheiros — a Agropecuária Alagoas LTDA. Até o signo de Renan, que é de virgem, foi divulgado.

Dados pessoais Renan Calheiros

Na divulgação, foi explicado que há “várias razões” para a divulgação dos dados pessoais dos políticos. E completa: “a primeira é para mostrar que a Justiça, que deveríamos de chamar de NOSSO, não funciona”.

— Está na hora de provar à esse canalhas que nós não esquecemo e nós não perdoamos!

No fim do post, o suposto hacker destaca o lema do grupo Anonymous:

“Nós somos Anonymous. Nós somos uma legião. Não esquecemos. Não perdoamos. Esperem por nós”.

Histórico

No início de janeiro, outro suposto hacker (@nbdu1nder) divulgou dados pessoais do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do senador Aécio Neves (PSDB-MG), do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) e do operador do esquema do mensalão, Marcos Valério.

Dois dias antes, as vítimas tinham sido o ex-ministro José Dirceu, o deputado federal José Genoino e o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares.

Petição Online

Há um movimento em andamento na internet pelo impeachment do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). Com o nome “Impeachment do Presidente do Senado: Renan Calheiros”, a comunidade já recebeu mais de 1 milhão de assinaturas online e pede a queda imediata de Calheiros.

Assine a petição.

O motivo para a campanha está resumido na página assim: “Povo Brasileiro! Acabamos de ser chamados de Palhaços!!! O Senador Renan Calheiros acaba de ser eleito Presidente do Senado com 56 votos secretos!! Isso é um absurdo! E não podemos ficar calados diante de tal ATROCIDADE!!!”.