Herbalife: senador pede investigação por suspeita de pirâmide

Policiais são suspeitos de tráfico na cracolândia
24 de janeiro de 2014
Governo usará Forças Armadas contra manifestações
24 de janeiro de 2014

Herbalife: senador pede investigação por suspeita de pirâmide

O senador de Massachusetts Edward Markey está pedindo mais informações sobre as práticas de negócio da Herbalife, se tornando o mais proeminente legislador a pedir medidas depois que um fundo ativista acusou a empresa de comandar um esquema de pirâmide.

[related_posts]

As ações da Herbalife caíram 15% depois de Markey dizer na segunda-feira (20) que escreveu para a Securities and Exchange Commission (SEC), para a Comissão Federal de Comércio e para a própria Herbalife pedindo mais informações.

A batalha pelo futuro da Herbalife ocorre há mais de um ano, depois que o investidor ativista William Ackman acusou a empresa de comandar um esquema de pirâmide, uma acusação que a companhia de nutrição nega veementemente.

Desde então, investidores proeminentes, incluindo Carl Icahn, posicionaram-se contrários a Ackman, tornando as ações da Herbalife uma das mais observadas de Wall Street.

Markey escreveu à presidente da SEC, Mary Jo White: “peço que vocês investiguem as práticas de negócio da companhia para verificar se a empresa está agindo de acordo com as leis federais de mercado sob a autoridade desta Comissão”, de acordo com a carta datada de 22 de janeiro, divulgada por seu escritório na segunda-feira (20).