Silas Malafaia processará o Avaaz

Mega
Mega terá serviços de chat, vídeo e e-mail
18 de fevereiro de 2013
Renan Calheiros
Entrega de manifesto contra Renan Calheiros
19 de fevereiro de 2013

Silas Malafaia processará o Avaaz

Silas Malafaia

O pastor Silas Malafaia processará o Avaaz, site no qual são publicados abaixo-assinados como o que pede a renúncia do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

Silas Malafaia

Silas Malafaia

Circula no Avaaz uma moção contra Malafaia. Chama-se “Pela cassação do registro de psicólogo do sr. Silas Lima Malafaia”. Logo depois que essa moção começou a ser assinada, um fiel do pastor montou uma moção semelhante, mas de apoio a Malafaia. Esta última foi retirada do ar ontem. Malafaia se revoltou: “Printei tudo e passei para meu advogado. Vou para o pau contra o Avaaz. Vou processar eles sem pena”. O pastor relatou a origem da crise com o site de abaixo-assinados. Diz ele: “No último dia 9, um evangélico iniciou uma moção em meu apoio. O abaixo-assinado pedindo a cassação do meu registro tinha 55 mil assinaturas. O a meu favor passou. Estava com 65 mil. Ainda há pouco, o Avaaz mandou um e-mail para o evangélico dizendo que ia tirar a moção dele do ar, porque não era do interesse deles. Ora, depois de dez dias de exposição negativa da minha imagem e só quando é ultrapassado pelos que são a meu favor?”. Malafaia também processa a revista Forbes, que lhe atribuiu um patrimônio de US$ 150 milhões. Ele diz que é de US$ 6 milhões. A diferença é que ele pretende processar a Forbes nos Estados Unidos. O Avaaz será acionado no Brasil, diz o líder evangélico.