Kim Dotcom diz ter recebido socos e pontapés da polícia

Anonymous | Demonoid Operação Engajada
7 de agosto de 2012
Wikileaks sofre ataques há cinco dias e está fora do ar
9 de agosto de 2012

Kim Dotcom diz ter recebido socos e pontapés da polícia

Kim Dotcom

Fundador do Megaupload afirma ter sido espancado por autoridades neozelandesas em invasão à sua casa, em janeiro

Em permanente campanha para reabrir o Megaupload e para não ser extraditado para os Estados Unidos, o empresário Kim Dotcom revelou nesta terça-feira (07/08) que foi agredido pela polícia em uma invasão à sua casa.

O empreendedor afirmou ter recebido socos e pontapés quando autoridades neozelandesas fizeram uma incursão à sua mansão na capital Auckland a pedido do FBI, em janeiro. A invasão resultou na apreensão de computadores, discos rígidos e carros de luxo pertencentes ao cidadão alemão e habitante da Nova Zelândia, acusado de pirataria em massa e fraude.

Dotcom diz ter se assustado com a truculência da operação policial, que contou com helicópteros e policiais de armas em punho. Ao ouvir a movimentação em sua propriedade o empresário teria se refugiado em um quarto seguro, mas acabou sendo encontrado e supostamente espancado pelos policiais.

“E aí eles estavam todos em cima de mim. Eu levei um soco na cara, botas me derrubando no chão com chutes”, disse Dotcom na corte que avalia o seu caso. “Eu estava gritando e com dor. Eu disse para eles que não havia necessidade de me bater ou machucar e que, por favor, parassem”.

Dotcom é acusado de liderar um grupo que lucrou US$ 175 milhões desde 2005 ao espalhar pela internet obras protegidas por direitos autorais.